Yago Martins - Humildade no Lugar Errado: Ludmila, Padre Fábio e o Faustão.

Domingo à tarde, dia 12 de dezembro, tivemos um momento épico no conhecido programa do Faustão. Tivemos a cantora Ludmila Ferber e o padre Fábio de Melo, juntos, em um encontro ecumênico, representando a tolerância religiosa que deve existir entre o Catolicismo Romano e as comunidades evangélicas do Brasil.

O que para muitos é uma vitória, para o Cristianismo Bíblico é um momento de vergonha. Não que eu defenda violência ou desamor entre pessoas de diferentes religiões, mas o que eu vi foi além disto. O que foi pregado e proposto foi um relativismo teológico sem fronteiras. Claro, eu entendo que o apresentador Fausto Silva, como não-Cristão, defenda que teologia e questões doutrinárias sejam desimportantes, como ele bem disse:

Vocês têm aqui diferentes visões. O importante é que os dois estão aqui [...] mostrando que não importa a igreja, [...] você tem é que respeitar a opção de cada um. [...] Cada um tem que entender as peculiaridades de cada igreja e de cada mandamento.

Agora, o que eu não entendo é como a Ludmila, que se professa pastora e Cristã, pode concordar com as opiniões de tal apresentador, balançando a cabeça em cada palavra expressa por ele.

Faustão: Não é melhor nem pior, cada igreja tem as suas características, seus detalhes.
Ludmila: Cada um anda na luz que tem.

Perceba a força desta frase! “Cada um anda na luz que tem”. Será que Cristo diria isto se, em rede nacional, fosse questionado sobre as divergências doutrinárias nas religiões de seu país? Será que Jesus, o qual foi tão polêmico, incisivo, duro e radical em suas críticas às outras religiões, defenderia que devemos andar cada um em seu próprio entendimento da verdade? Leia sua Bíblia e você verá que não.

Não é difícil perceber que a religião que pretensamente intitula-se de Cristã, a mesma que foi representada no Programa do Faustão, está totalmente distante do Cristianismo que Jesus veio pregar. Quer saber por quê? Isso é culpa de uma humildade manifesta no lugar errado. Deixe-me explicar: o homem foi chamado para ser modesto e, com isso, duvidar sempre de si mesmo. A humildade Cristã deve sempre ser posta em nossa própria capacidade e forças. Com isso, seremos pessoas que transmitem Cristo com o próprio viver. O problema de hoje é que as pessoas põem sua humildade numa área que não deviam: na área do conhecimento de Deus. O homem deve sempre mostrar-se duvidoso a respeito de si mesmo, mas não a respeito da Verdade; e isto foi invertido completamente nos dias atuais.

O que vimos neste domingo foi um verdadeiro show de humildade manifesta no lugar errado. Cada vez que um tema polêmico era posto em pauta, todos se apressavam em dizer que cada um tinha sua visão, cada um tinha sua doutrina, cada um tinha seu cada um. Não era difícil ver o esforço mútuo de não querer parecer “dono da verdade”.

Acho que G. K. Chesterton escreveu uma verdadeira profecia quando, em 1908, disse que es-tamos em vias de produzir uma raça de homens mentalmente modestos demais para acreditar na tabuada. Do modo com as coisas vão indo, o relativismo será a nova lei nas igrejas de nosso país, se já não o for.

Fonte: Cante as Escrituras.

21 comentários:

  1. sabendo, primeiramente, isto: que nenhuma profecia da Escritura provém de particular elucidação; porque nunca jamais qualquer profecia foi dada por vontade humana; entretanto, homens santos falaram da parte de Deus, movidos pelo Espírito Santo. (I Pe 1:20.21)

    Acho que isso resume tudo no que eu ia falar.

    ResponderExcluir
  2. Ela estava parecendo aqueles cachorrinhos de brinquedo no carro que ficam balançando a cabeça...

    ResponderExcluir
  3. APOLOGIA SIM ESCARNECER NAO...

    ResponderExcluir
  4. Anônimo das 11:44,

    Eu ficaria grato se você expôr mais detalhadamente suas opiniões.

    Grande abraço.

    ResponderExcluir
  5. Eu amo a apologia porem nao consigo concordar com a dose de humor adicionada a ela...eu penso que apologia deve ser feita com temor e seriedade e nao escarnecendo das vitimas...

    ResponderExcluir
  6. Olá Yago Martins,

    Sou evangélico há muitos e muitos anos... sabe, você me parece um menino falando...

    O meio evangélico tem produzidos certos "xiitas"... são os radicais!

    Modera aí, vai... as coisas não são bem assim...

    Não sou a favor do ecumenismo, mas a qualidade da galera evangélica tem ficado cada vez pior... se aproximando mais do farisaísmo do que do Cristo vivo...

    Vai devagar nas tuas afirmações, campeão...

    Prá mim este texto é puramente religioso e partidário (puro farisaísmo!), não quero ser agressivo... (pode até parecer agressivo...)

    Só existe uma LUZ, Cristo Jesus, o filho de Deus, o verdadeiro Deus...

    Não deixe que a religiosidade evangélica ofusque essa tua luz!!

    Medita nessas coisas, mano!

    Abraços.

    ResponderExcluir
  7. Anônimo das 18:23,

    Assim como você, eu também amo a apologia. Agora, não concordo que eu tenha usado de "humor" para fazê-la. Eu re-li o texto, achando que tinha feito alguma "piadinha" nele, mas não achei nada assim. Você pode elucidar-me?

    Abraços.

    ResponderExcluir
  8. Caro Anônimo das 03:20,

    Se você acha que estou sendo "menino", "xiitas", "radical", "fariseu", "religioso" e "partidário"; você tem todo o direito de ter suas opiniões. Oro a Deus que você possa ver além de minha fraquesa e que consiga se focar no conteúdo.

    Grande abraço, campeão.

    ResponderExcluir
  9. Yago Martins parabéns pela notícia e Apologia Cristã continue defendendo a fé Cristã. A sua colocação é pertinente. Não vejo piadas e sim uma realidade que tem tomado o coração de alguns desavisados e que muitas vezes diz ter maturidade cristã, contudo estas pessoas muitas vezes necessitam ter um real encontro com Jesus. Para terem a "mente cristã".Depois acessa Cristão Apológico e seja um seguidor e terei o prazer de receber postagem suas no blog é só enviar para demeloss@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  10. Curioso como esses caras têm tanto medo de suas próprias opiniões que respondem como "Anônimo".

    Parabéns pelo excelente texto, Yago. Oro para que o Senhor continue te iluminando segundo as Escrituras para denunciar toda corruptibilidade nas palavras daqueles que se dizem "igreja" e não observam princípios BÁSICOS do cristianismo.

    ResponderExcluir
  11. Caro Yago, não sei qual sua idade cronológica ou qual sua idade cristã, mas tenho que dizer que eu, dos meus 27 de idade e 11 de conversão a Jesus Cristo, tiro o chapéu pra você. Precisamos de mais bereanos como você. Acho que foste até gentil falando sobre a questão do ecumenismo e do relativismo, que são seriamente reprovados pela Bíblia (pois o caráter e a Palavra dO Deus Absoluto não admitem relativsmos). Se fosse eu, talvez teria sido um pouco mais incisiva, mas agradeço a Deus por ainda guardar servos fiéis e firmes na doutrina Bíblia genuína e sem mistura. Deus te abençoe!

    ResponderExcluir
  12. ISSO E UMA VERDADEIRA TRAIÇÃO A REFORMA PROTESTANTE.

    ResponderExcluir
  13. Yago,

    Digo que também fiquei perplexo quando vi as imagens do porograma do Faustão. Na verdade ele é quem cordenou todas as coisas que foram ditas.

    Aqueles que querem agradar o homem, desagradam a Deus.

    Podemos conviver tranquilamente com católicos ou quaisquer outras pessoas na sociedade, mas quando se trata de verdades bíblicas devemos ser firmes, conforme o Senhor nos ensinou.

    Em Cristo

    Márcio

    ResponderExcluir
  14. Essa turma começa a aparecer na Globo e esquece de todos os princípios. Ser Cristão é ser radical. Que os mártires o digam. E aqueles que dizem: "não é bem assim" estão sujeitos ao fogo do inferno, pois não conhecem as Escrituras. "Não vim trazer a paz, mas a espada"- Jesus Cristo

    ResponderExcluir
  15. Maravilhoso texto! Reproduzirei, com os devidos créditos, no meu blog. Um link para pensar: http://questaodeconfianca.blogspot.com/2010/12/seria-correta-nocao-pos-moderna-de.html

    ResponderExcluir
  16. Muito bom esse post , pessoas que são chamadas para ser a luz desse mundo, ser a diferença , se calam e concordam diante de asneiras proferidas pelo Faustão, Cristo veio e condenou a religião, essa tal religião que o matou , o meu Jesus q veio ñ andou de mãos dadas com a religião, ñ dividiu "palcos" com ela, muito pelo contrário condenou ela, Que possamos expor a única Verdade que é Cristo Jesus, pq aquilo que imputamos como verdade pelo nosso próprio entendimento procede do malígno, Tolerância Zero ao relativismo e a apostasia dos que se dizem pastores, Abrçss

    ResponderExcluir
  17. (Esta é minha terceira tentativa - acho q estou ainda na Pedra Lascada) Bom, estou feliz com este evento, pq de há mto sofro no meu espírito por ver o degenerar dos objetivos da musicalidd evangélica. Temos cantado as necessidds humanas, sim, em detrimto dos valores da exaltação ao Eterno, à Redenção, ao Arrependimto. Tenho clamado por vozes profétiks a avisarem esta geração de tal desvio: o Humanismo tomar o lugar do Senhor. Moro em Salvador. Assim q tomei conhecimto do Evento já começava a planejar a viagem, mas... só 2 horas?! Bem, é o primeiro. Q venham mtos outros, q se transformem em Congressos, e q esta Nação q + parece a Tribo do Louvor, se reencontre nos íntegros objetivos da Adoração.

    ResponderExcluir
  18. Yago,
    Achei excelente o post.
    Concordo plenamente com você.
    Acho até que você foi um tanto ameno. rsrsrsrs

    Graça e Paz!
    Paulo Victor.

    ResponderExcluir
  19. Ficar em cima do muro para não desagradar ou não ser tachado de radical é uma situação cômoda. Essa coisa de aparecer em programa secular em rede nacional tem "um poder" de amordaçar a boca de muita gente séria. Miserável homem que sou!

    ResponderExcluir
  20. Oi Yago, antes de tudo parabéns pelo site e toda a iniciativa. Sou amigo do Daniel da IBC, sou de São Luis do MA. Fiquei muito impolgado com o Cante as Escrituras... muito legal! Daniel tem me falado muito bem do projeto.
    Que Deus abençõe todos vocês!!!
    Vi o programa do Faustão e também não concordei com a forma como o evangelho foi exposto.
    Cristãos e adeptos de outras religiões creêm em coisas totalmente diferentes, por exemplo: Cremos com base nas escrituras que "imagens" por exemplo, não tem valor algum e não devem ser adoradas, mas isso não nos dá o direito de quebrá-las... Precisamos apenas ter cuidado para que nossos pensamentos e conceitos não firam pessoas, ao invés de pensamentos e conceitos errados. E não podemos esquecer que mesmo quando expomos as verdades de Deus, quem testifica o homem do seu erro é o Espirito. Concordo plenamente com o que foi comentado e como cristãos não podemos simplesmente concordar com o "relativismo" ou com o "não tem nada haver", pois Cristo é absoluto e seus princípios também, mas esse discernimento é dado por Deus aos que creêm em sua Palavra. Precisamos orar muito e quando nossas palavras não forem suficientes para convencer, acima de tudo precisamos amar e com muita sabedoria ser firmes em Deus.
    Grande abraço, que Deus abençõe....

    ResponderExcluir
  21. Yago, ótimo texto.
    Deus abençoe vc.

    ResponderExcluir

A atividade apropriada aos cristãos professos que discordam uns dos outros não é a de ignorar, nem de esconder, nem mesmo minimizar suas diferenças, mas discuti-las." John Stott

Ficamos felizes com suas críticas, sugestões, complemetos ou correções. Apenas pedimos que seja mantido o respeito e cordialidade.